Halle Berry divulga novo filme no Copacabana Palace, no Rio

A atriz de Hollywood chegou ao
Brasil na madrugada desta
quarta-feira
Linda, exuberante, grávida de três
meses, Halle Berry esbanjou
sorrisos em sua primeira visita ao
Brasil e recebeu a imprensa numa entrevista coletiva na tarde desta quarta-feira (10), no Copacabana Palace, na Zona Sul do Rio, para o lançamento do longa Chamada de Emergê.

A atriz de 46 anos, que já é mãe de Nahla, de 5, fruto do
relacionamento com Gabriel
Aubry , falou animada sobre a
gestação inesperada e do noivado
com Olivier Martinez, ressaltando
que não pretende parar de
trabalhar.

“Preciso trabalhar ainda mais
justamente porque serei mãe
novamente. Na primeira gestação, parei por 4 anos porque não sabia como era, como lidar. Agora vou direto!”, disse.

Halle volta em breve a filmar a
continuação da animação X-Man, e
contou que terá menos cenas de
ação. “Desta vez a heroína não terá cena de luta, ela não vai voar. Ela será diferente do planejamento inicial.

Perguntei se iam incluir a gravidez no roteiro, disseram que não, há formas de camuflar a barriga para que não apareça nas filmagens”, contou.

Halle confessou não conhecer bem o cinema brasileiro, mas revelou vontade de filmar aqui.
“Se apresentam um roteiro hoje, eu fico, venho trabalhar aqui
imediatamente! Infelizmente não
falo português. Quando trabalho
em um pais tenho mais tempo de
conhecê-lo. Cheguei a noite,
acordei com a bela visão do mar.

image

Como todo turista, queria conhecer o Cristo Redentor”, disse. Chamada de Emergência, longa que a estrela está promovendo no Brasil, destaca a história de Jordan Turner (Halle Berry), uma veterana no serviço de chamadas de emergência – um trabalho permanentemente tenso. Atende aos mais diversos telefonemas, incluindo pedidos de socorro. Um destes pedidos termina de forma trágica e Jordan fica arrasada, considera que falhou. Repensa a vida e se pergunta se testemunhou seu último telefonema. Talvez seja
a hora de dar um tempo daqueles
dias. Quer aproveitar a vida com
seu namorado, Paul Phillips
(Morris Chestnut), e ensinar a
outros o que aprendeu em sua
estressante profissão.

Porém sua linha direta com
anônimos não terminou. Jordan,
que agora conduz e orienta um
grupo de novatos, escuta uma
aflita ligação de Casey Welson
(Abigail Breslin), uma adolescente
raptada de forma violenta por
Foster (Michael Eklund). Ela então
assume o comando de uma
maneira inédita, para salvar uma
vida e enfrentar o seu passado.

“Tentei manter minha emoções em controle e não me envolver. Claro que, como mãe, dói muito uma história de sequestro. Tomo todos os cuidados com minha filha, sou consciente das necessidades de segurança. Aquele sequestro mostrado no filme poderia ser em qualquer lugar”, disse.

A Atriz permanece no Rio e a noite participa da premiére do longa. Halle mostrou tranquilidade ao ser questionada sobre o look que usara.
“Você tem que encontrar um estilo interessante, sem se preocupar com o que as pessoas dirão no dia seguinte”.

Sigam: @thyagomyr

Via: o fuxico

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s