Termômetro: Justin Timberlake – Mirrors

image

Depois do lançamento da
questionável “Suit & Tie” em
parceria com Jay Z, Justin
Timberlake decidiu por lançar uma das faixas de seu novo disco que mais remetem ao seu passado musical: “Mirrors”.

A canção, composta pelo próprio
cantor em parceria com outros
três nomes, é a segunda faixa
lançada do disco “The 20/20
Experience”, álbum de retorno de
Timberlake à música depois de
quase sete anos sem lançar
nenhum material solo inédito no
mercado.

O mais interessante do lançamento é perceber a relativa falta de pretensões de Justin Timberlake.
“Mirrors” em muito se assemelha à sonoridade que seu álbum
precedente trouxe aos charts em
2006. Ora, se Timberlake
novamente recrutou Timbaland
para mais uma produção que nada traz de novo à sua carreira, o artista, no mínimo, não estava
preocupado em se reinventar ou de provar à crítica qualquer coisa que pudesse querer provar a esta altura do campeonato. Ao mesmo tempo, tendo em vista o sucesso de “FutureSex/LoveSounds”, podemos concluir ainda, que Justin optou por manter a fórmula que já se mostrou bem sucedida anos atrás.

Mais parece que “Mirrors” é um
trabalho de Justin Timberlake
lançado em 2008 ou meados de
2009, quando os fãs, afoitos,
aguardavam por algum material
inédito do artista. O ex-NSYNC
parece ter parado no tempo, não
deixando transparecer o enorme
lapso temporal entre os
lançamentos de seu segundo e
terceiro discos.

Justin continua abusando dos
falsetes, e das várias tonalidades
vocais em cada uma das estrofes
do single. A letra, como sempre
recheada de declarações de amor,
ao que dizem, seria direcionada à
sua esposa, Jessica Biel.

Timberlake tem sim seus méritos: sair de uma boyband e conseguir se estabelecer com respeito pela maioria esmagadora da crítica não é missão para qualquer um. Ainda,
por ser um dos artistas mais
supervalorizados de sua geração,
ao que tudo indica, tanto este
single quanto o disco que o leva
em seu conteúdo, tem tudo para
serem extremamente premiados ao final do ano e no Grammy de
2014, deixando em alta a máxima
de que em terras de Justin’s, com
respeito no cenário pop, só mesmo se for um Timberlake.

image
Timberlake em 2013: mesma
sonoridade de 2006 mas com
cabelos alisados.

Sigam: @thyagomyron

Via: popline

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s